Programação Infantil em Brasília

IX Encontro e Feira dos Povos do Cerrado

Realizado desde 2001, o Encontro e Feira dos Povos do Cerrado é um grande espaço de troca de experiências e articulações em defesa desse bioma e dos seus povos.

“Pelo Cerrado Vivo: diversidades, territórios e democracia” – este será o tema da nona edição do Encontro e Feira dos Povos do Cerrado. Previsto para acontecer em Brasília na semana em que se celebra o Dia Nacional do Cerrado, o Encontro e Feira será um espaço de debates, reflexões e trocas de experiências sobre a realidade do bioma, que é o segundo maior da América do Sul, e os desafios enfrentados pelos povos e comunidades tradicionais que habitam o Cerrado.

O Cerrado ocupa cerca de 22% do território nacional. A sua área contínua incide sobre os estados de Goiás, Tocantins, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Bahia, Maranhão, Piauí, Rondônia, Paraná, São Paulo e Distrito Federal, além dos encraves no Amapá, Roraima e Amazonas. Do ponto de vista da diversidade biológica, o Cerrado brasileiro é reconhecido como a savana mais rica do mundo, abrigando 11.627 espécies de plantas nativas já catalogadas.

A expectativa é que cerca de 500 pessoas, entre representantes de povos e comunidades tradicionais, de organizações da sociedade civil e movimentos sociais se juntem na Capital Federal entre os dias 11 e 14 de setembro de 2019 no Complexo Cultural Funarte.

Encontro e Feira dos Povos do Cerrado terá programação cultural gratuita e aberta ao público, com promoverá uma grande Feira com produtos da sociobiodiversidade do Cerrado e apresentações culturais com grupos e artistas de diferentes regiões do Brasil.

Ao todo serão 25 barracas com produtos, em sua maioria, orgânicos e vindos da produção da agricultura familiar. A gastronomia tem espaço forte na Feira, onde o público poderá encontrar farinha de babaçu, bolos de baru, biscoitos e doces de buriti, licores, dentre outros. Mais produtos dos frutos do Cerrado também estarão presentes, como os procurados sabonetes de babaçu. Ainda estarão disponíveis o artesanato indígena, as biojóias de capim dourado e diversos outros artigos e acessórios elaborados pelos povos e comunidades tradicionais, mostrando toda a diversidade do Bioma.

Os espetáculos culturais incluem apresentações de bumba meu boi, jongo, coco, forró, maracatu, cordel e outras manifestações da cultura popular brasileira.

Programação completa em https://redecerrado.org.br/encontro-dos-povos-do-cerrado/ix-encontro-e-feira-dos-povos-do-cerrado/

As crianças não foram esquecidas: espetáculo infantil “Planeta Oca” será apresentado dia 11 de setembro de 2019,  às 19h30, com entrada franca. O grupo que está em turnê pelo Brasil é de São Paulo e vem a Brasília pela primeira com o show. “Proteger a Natureza e as Pessoas que o Mundo só Devolve Coisas Boas” é o lema do show. Um tratado de respeito à natureza e amor ao planeta.

Planeta Oca é um espetáculo com doze músicas que trazem abordagens sobre o planeta, a água, o lixo, os biomas do Brasil e os índios, além de diversos animais como o tamanduá, o tatu e a ariranha. O universo fantástico não poderia ficar de fora e na figura mítica do Mapinguari, lenda amazônica, tem seu espaço garantido no espetáculo.

SERVIÇO:

Espetáculo Planeta Oca
IX Encontro e Feira dos Povos do Cerrado
Data: 11 de setembro de 2019
Horário: 19h30
Local: Funarte (área externa)

Obs.: A abertura oficial do IX Encontro e Feira dos Povos do Cerrado será realizada às 18h, também no dia 11 de setembro, no Teatro Funarte Plínio Marcos.

1 Comentário

  1. IX Encontro e Feira dos Povos do Cerrado | Baby Blogs Brasil

    10 de setembro de 2019 at 11:28

    […] “Pelo Cerrado Vivo: diversidades, territórios e democracia” – este será o tema da nona edição do Encontro e Feira dos Povos do Cerrado. Previsto para acontecer em Brasília na semana em que se celebra o Dia Nacional do Cerrado, o Encontro e Feira será um espaço de debates, reflexões e trocas de experiências sobre a realidade do bioma, que é o segundo maior da América do Sul, e … Ver artigo completo no Blog […]

Comente!