Educação

Casa Thomas Jefferson contribui para a formação de profissionais da rede pública

Casa Thomas Jefferson contribui para a formação de profissionais da rede pública

Casa Thomas Jefferson contribui para a formação de profissionais da rede pública

Entre os dias 10 e 15 de fevereiro, o Makerspace da Casa Thomas Jefferson participou da segunda edição do STEM TechCamp Brasil em São Paulo – uma iniciativa voltada à aprendizagem ativa de STEM (sigla em inglês utilizada para denotar as áreas de conhecimento de ciências, tecnologia, engenharia e matemática). A proposta do evento promovido pela Embaixada dos Estados Unidos em parceria com USP e Grupo +Unidos é formar uma rede de multiplicadores de inovação na rede pública de ensino.

Participaram do evento 60 professores e gestores de secretarias de educação de todos os estados brasileiros, incluindo o Distrito Federal. A Casa Thomas Jefferson foi convidada pelo Departamento de Estado dos EUA e pela USP para facilitar três sessões sobre como implementar práticas inovadoras que colocam o aluno no centro do processo de aprendizagem. A escola foi representada no evento por Soraya Lacerda, Coordenadora do CTJ Makerspace, e Daniela Lyra, Especialista em Tecnologia Educacional.

De acordo com Soraya Lacerda, o CTJ Makerspace pesquisa e testa há quase 4 anos metodologias ativas que envolvem criatividade e inovação. “A equipe da Thomas participa pela segunda vez do STEM Tech Camp – agora como facilitadora -, compartilhando com esses professores a inteligência que desenvolveu e hoje está por trás das atividades, oficinas e programas que oferece para alunos, professores e para a comunidade”, afirma Soraya.

A equipe da Thomas aproveita o evento para criar uma rede de parceiros formada por professores e gestores interessados em alavancar a educação STEM em todo o Brasil. De acordo com a coordenadora do CTJ Makerspace, “com isso, validamos também a posição da CTJ como um centro de referência em pedagogia diferenciada que pode ajudar a repensar a maneira como aprendemos e ensinamos no mundo atual”.

A programação do STEM TechCamp Brasil 2019 inclui atividades lideradas por equipes do TechCamp dos Estados Unidos e especialistas selecionados pela USP, discussões com líderes educacionais e de empreendedorismo, construção de coletivas e dinâmicas a partir de técnicas de Design Thinking e elaboração de propostas de planejamento estratégico para projetos nos estados de origem dos participantes.

Segundo Soraya Lacerda, a expectativa da Thomas para o evento é muito grande no que diz respeito à contribuição da Casa Thomas Jefferson para a educação na rede pública. “Esperamos ser ainda mais reconhecidos como centro de referência para metodologias modernas, inovadoras e em ressonância com as iniciativas de instituições não só privadas mas também públicas brasileiras”, concluiu a representante Thomas.

Nossas meninas são alunas da Thomas, uma escola que amamos! Conheça mais sobre o curso que elas frequentam em www.roteirobaby.com.br/2018/01/bilingual-adventure-o-novo-curso-da-thomas-jefferson.html

1 Comentário

  1. Casa Thomas Jefferson contribui para a formação de profissionais da rede pública | Baby Blogs Brasil

    18 de fevereiro de 2019 at 18:46

    […] Participaram do evento 60 professores e gestores de secretarias … Ver artigo completo no Blog […]

Comente!