shutterstock_271546562

Filmes infantis - lançamentos nas férias

Criança no cinema. Imagem Shutterstock. Cópia não autorizada.

Filmes infantis – lançamentos nas férias

Alvin e os Esquilos na Estrada
Data de pré-estreia: 17 de dezembro de 2015
Lançamento: 24 de dezembro de 2015
Através de uma série de mal-entendidos, Alvin, Simon e Theodore passaram a acreditar que Dave vai pedir sua nova namorada em casamento em Nova York… e despejá-los. Eles têm três dias para chegar até ele e impedir o pedido, salvando-se não só da perda de Dave, mas possivelmente de ganhar um terrível meio-irmão.
Classificação indicativa livre

Star Wars – O Despertar da Força
Lançamento: 17 de dezembro de 2015
Décadas após a queda de Darth Vader e do Império, surge uma nova ameaça: a Primeira Ordem, uma organização sombria que busca minar o poder da República.
A classificação indicativa deste filme é 12 anos. Mas crianças menores podem assistir desde que acompanhadas pelos pais.
Nota de quem já viu (sem spoilers!): eu (Mari) achei o filme FANTÁSTICO! Se seus filhos menores de 12 anos são familiarizados com a saga, sim, LEVE-OS!

O Bom Dinossauro
Lançamento: 7 de janeiro de 2016
Os dinossauros foram extintos após a colisão de um gigantesco asteróide com o planeta Terra. E se este evento não tivesse ocorrido? O filme parte desta premissa para trazer a história de dinossauros que ainda hoje controlam o planeta. E mostra a amizade de Arlo, dinossauro adolescente de 70 metros de altura, com um jovem menino humano, Spot.
Classificação indicativa livre

Snoopy e Charlie Brown – Peanuts, O Filme
Lançamento: 14 de janeiro de 2016
Dirigida por Steve Martino, a animação é baseada nos quadrinhos do cartunista norte-americano Charles M. Schulz. A série, conhecida no Brasil como Minduim, acompanha as aventuras de Charlie Brown, Snoopy e sua turma.
Classificação indicativa livre

Autoria de Mari Oliveira
Sou mãe, esposa, filha e irmã off-line. Tradutora, fã dos Beatles e mãe de primeira viagem on-line. No dia 13 de maio de 2011, ouvi Maria Betânia cantar e o obstetra repetir: “Você verá que a emoção começa agora”. Eles estavam certos!