Para Mamães Gestantes, Para Papais, Superinteressante, TEM que fazer

Como descobrir o sexo do bebê pelo Método Ramzi

Conheci este método no site Just Real Moms, e achei tão interessante que resolvi falar sobre ele aqui.

captura-de-tela-2015-01-19-s-23-30-23

O método Ramzi promete determinar o sexo de um bebê de seis semanas apenas por meio de uma imagem de ultrassom, de acordo com o lado do saco gestacional no útero.

Um estudo feito pelo médico canadense Saad Ramzi Ismail (publicado em 2007) analisou 5.376 gestações ao longo de um período de dez anos. A taxa de sucesso do método Ramzi ultrapassa os 90% se a ecografia transvaginal for feita até a sexta semana de gravidez. Os embriões de meninos tendem a ficar do lado direito do útero (isso aconteceu em 97,2% dos casos estudados); e os de meninas tendem a se localizar à esquerda (o que aconteceu em 97,5% dos casos estudados). Em uma pequena percentagem de casos, o saco gestacional foi localizado no centro. O médico supõe que isso se deve à polaridade dos óvulos (todos os seres vivos possuem uma carga elétrica e, ao que parece, ela é diferente de um sexo para outro)

Então, vai aqui uma dica e um alerta para pais ansiosos: o tipo de ultrassom e a colocação do aparelho às vezes pode alterar a imagem. Quem deseja obter um palpite inicial sobre o sexo do bebê, tem que pedir especificamente ao médico no momento do ultrassom para identificar onde o saco gestacional está localizada: “Doutor, de que lado do útero está localizado (implantado) o saco gestacional?” Saibam também que este método, apesar da grande taxa de acerto, não é 100% garantido.

4 Comentários

  1. Lígia Camargo

    11 de março de 2015 at 12:36

    Puxa, que interessante. Tenho dois meninos e no meu caso, ambos implantaram-se do lado direito. Acertou 100%!

    1. Juliana faria

      11 de março de 2015 at 23:59

      Nossa!!! Tenho um casal. 100% certo. Incrivel

  2. alessndra

    12 de março de 2015 at 07:45

    No meu caso, meus dois meninos foram implantados ao lado esquerdo do útero, por tanto…o método não funcionou…nada como um bom e velho ultrassom…pena que tem que esperar…mas, paciência mamães 🙂

  3. Gustavo

    12 de março de 2015 at 16:54

    Acho que a foto é a mesma…

Comente!