De acordo com a medicina ocidental (medicina convencional), as causas mais comuns de infertilidade feminina são: a síndrome do ovário policístico (SOP), irregularidades de ovulação, desequilíbrio hormonal e a endometriose.
Segundo a acupunturista Drª Érika Nery, nossa colaboradora especialista em gestação, “muitas pacientes têm procurado esta alternativa de tratamento antes mesmo de iniciar o tratamento de fertilização in vitro”.
A SOP aparece quando os ovários de uma mulher produzem altos níveis de hormônios masculinos. Cistos podem se formar nos ovários, causando uma diminuição ou interrupção da ovulação. A endometriose, caracterizada pela presença de células do endométrio (mucosa que reveste o útero) fora do lugar, pode dificultar o processo de fertilidade.
Já a medicina tradicional chinesa, que tem a ACUPUNTURA como um dos seus métodos, identifica vários outros padrões de desarmonia nos casos de infertilidade em mulheres, incluindo falta de energia, ciclos menstruais irregulares, cansaço excessivo e stress metabólico. A ACUPUNTURA auxilia no tratamento da infertilidade reequilibrando esses sistemas corporais, o que aumenta o fluxo sanguíneo nos órgãos reprodutivos e no endométrio, restaurando o funcionamento dos ovários. Esse aumento torna essa membrana mais espessa, o que faz com que a implantação de um óvulo fertilizado na membrana seja mais eficiente. Estudos também evidenciam uma associação muito positiva entre ACUPUNTURA e a fertilização in vitro mostrando um aumento nas taxas de gravidez e diminuição das taxas de abortos naturais. Um estudo de 2006 mostrou que mulheres que utilizaram a ACUPUNTURA imediatamente antes e após a transferência do embrião 39% engravidaram, e, dessas, 97% deram a luz aos seus bebês. Das mulheres que não utilizaram a acupuntura, apenas 26% engravidaram, e dessas 66% chegaram ao final da gestação.¹ Resultados ainda mais impressionantes foram obtidos em um estudo em que as taxas de gravidez atingiram mais de 42% após acupuntura durante os tratamentos de infertilidade. Isso é quase o dobro do grupo de mulheres que não utilizou a acupuntura, em que somente 26% delas ficaram grávidas.²
Em seu consultório no Lago Sul, em Brasília, a Drª Érika Nery desenvolveu um protocolo de ACUPUNTURA que pode aumentar as chances de fertilidade entre mulheres em idade fértil. O sucesso dos tratamentos realizados fez com que a acupunturista firmasse parcerias importantes com algumas da melhores clínicas de fertilização da cidade e se tornasse a fada madrinha de muitas mamães da cidade.
¹ Dieterle et al, 2006.
²Simon, 2007.SERVIÇO:
Drª Erika Nery – Acupunturista Especialista em Gestação
Tel: (61) 8471-2812

Autoria de Dhemes Andersen