roteiro-baby-sescfestclown_2014

roteiro-baby-sescfestclown_2014

 

Brasília ficará mais feliz em maio. Desde ontem, e até o dia 11 de maio, palhaços de sete países e de diferentes cidades brasileiras estarão na capital Federal para participar da 12ª edição do Sesc Festclown. Neste ano, o festival trará programação diversificada e grupos inéditos. Serão 51 apresentações de palhaçaria e arte circense. A expectativa é a de que 70 mil pessoas assistam aos espetáculos nos cinco dias de festival. Todas as apresentações são gratuitas e serão realizadas no Complexo da Funarte e em unidades do Sesc-DF . Os ingressos devem ser retirados uma hora antes no local do espetáculo.

O Festclown é reconhecido como um dos mais importantes festivais do gênero. O objetivo é a capacitação de artistas da área, que dispõem de poucos cursos específicos no Brasil. Outra meta é divulgar o trabalho de artistas circenses e, também, levar arte e diversão ao público. Um dos destaques desta edição é a participação do italiano Leo Bassi – um dos palhaços mais premiados internacionalmente. Bassi trará para o festival o espetáculo The Best of Bassi, que reúne os melhores números de sua carreira. O palhaço é reconhecido e aplaudido por seu humor inteligente, crítico e provocador.

Em 2014, haverá mais apresentações nas unidades do Sesc localizadas nas cidades do DF. “Vamos levar arte às pessoas. Elas não precisarão vir ao Plano Piloto para terem acesso ao Festclown”, conta o idealizador e organizador do Sesc Festclown, Rogero Torquato. Haverá exibições para escolas e para a comunidade do Gama, Ceilândia e de Taguatinga Sul e Norte.

Durante o Festclown serão ministradas oficinas com dois artistas internacionais – Andrea Farnetani, da Itália, e Hilton Hiltoff, da Espanha. As aulas serão gratuitas e realizadas na Sala de Dança da Funarte. Para participar, é necessário ter experiência em palhaçaria e arte circense. Serão disponibilizadas aproximadamente 20 vagas para cada uma das oficinas. “Aproveitamos que os artistas estavam vindo se apresentar no festival e os convidamos a ministrar as oficinas. Assim, ele deixam um legado em nosso País”, acredita Torquato.

SERVIÇO:

O que? Sesc Festclown
Quando? de 7 a 11 de maio
Onde? Complexo da Funarte e unidades do Sesc do Gama, Ceilândia e Taguatinga Sul e Norte
Programação:

8 de maio | quinta-feira
16h às 18h – Abrindo a Roda
Instalações/ apresentações artísticas
Complexo Cultural Funarte
Classificação Livre
19h às 23h – Intervenções Cênicas
Complexo Cultural Funarte
Classificação Livre
19h – Pasta e trapos
Pepe Picaporte – Costa Rica
Sala Plínio Marcos (Funarte)
Classificação Livre
19h30 – Carriola
Celeiro das Antas – Distrito Federal
Arena / Rodas (Funarte)
Classificação Livre
2Oh30 – Inka Clown
Circo Rebote – Peru/Brasil
Arena / Rodas (Funarte)
Classificação Livre
21h30 – Salmonela
Hilton Hiltoff – Espanha
Sala Plínio Marcos (Funarte)
Classificação Livre

9 de maio | sexta-feira
10h e 15h – Sem Refresco
Circo Volante – Minas Gerais
Sesc Taguatinga Sul
Classificação Livre
10h e 15h – Irmãos Saúde – DF
Circo Teatro Artetude – Distrito Federal
MEC – Sesc Taguatinga Norte
Classificação Livre
10h e 15h – 2POR4
Grupo Esparrama – São Paulo
Sesc Ceilândia
Classificação Livre
16h às 18h – Abrindo a Roda
Instalações/apresentações artísticas
Complexo Cultural Funarte
18h30 – Intermezzo
Teatro de Anônimo (RJ) com Regina Oliveira e Maria Angélica Gomes e
participação de Espuma Bruma (ARG e Charanga Mutante – Os
Federais (RJ)
Lona de Circo (Funarte)
Classificação Livre
19h – Galindez
Tato Villanueva – Argentina Sala Cássia Eller (Funarte)
Classificação Livre
19h às 23h – Intervenções Cênicas
Complexo Cultural Funarte
Classificação Livre
19h30 – “O Homem Foca” e “Sérgio Sérgio – O Príncipe da
Guilhotina”
Guga Morales e Sérgio Machado – Rio de Janeiro
Arena / Rodas (Funarte)
Classificação Livre
20h30 – Guga, El rey del acrobacia
Silvia e Guga – Espanha/Brasil
Arena/ Rodas (Funarte)
Classificação Livre
21h – The best of Bassi
Leo Bassi – Itália
Sala Plínio Marcos (Funarte)
Classificação Livre
22h – Pasta e Trapos
Pepe Picaporte – Costa Rica
Arena / Rodas (Funarte)
Classificação Livre

10 de maio | sábado
15h – Concerto em Ri maior
Cia de Palhaços – PR
Lona de Circo (Funarte) Classificação Livre
15h às 23h – Intervenções Cênicas
Complexo Cultural Funarte
Classificação Livre
16h – Pano de Roda
Cia. Carroça de Mamulengos – Distrito Federal
Sala Plínio Marcos (Funarte)
Classificação Livre
17h – Circênicos Varietê
Cia. Circênicos – Distrito Federal
Arena / Rodas (Funarte)
Classificação Livre
18h30 – Sem Refresco
Circovolante – Minas Gerais
Arena / Rodas (Funarte)
Classificação Livre
19h – 2POR4
Grupo Esparrama – São Paulo
Sesc Ceilândia
Classificação Livre
19h – Aniversário
João Veloso – Distrito Federal
Sesc Gama
Classificação Livre
20h – Ritornello
Cláudio Carneiro – São Paulo
Sala Cássia Eller (Funarte)
Classificação Livre
20h30 – Guga, El rey del acrobacia
Silvia e Guga – Espanha/Brasil
Arena / Rodas (Funarte)
Classificação Livre
21h – The best of Bassi
Leo Bassi – Itália
Sala Plínio Marcos (Funarte) Classificação Livre
22h – O Mago Mustafá
Maurício de Oliveira – Bahia
Arena / Rodas (Funarte)
Classificação Livre

11 de maio | domingo
11h – Brincando no parque
Grupo Raiz do Circo – palhaço Mandioca Frita
Apresentações e oficinas circenses para crianças
Parque da Cidade (Ana Lidia)
Classificação Livre
14h30 – Isto é magia
Palhaça Matusquella – Distrito Federal
Lona de Circo (Funarte)
Classificação Livre
15h – Altos e baixos
Cia de Palhaços – Paraná
Sala Cássia Eller (Funarte)
Classificação Livre
15h às18h – Intervenções Cênicas
Complexo Cultural Funarte
Classificação Livre
15h30 – Concierto Desequilibrio
Cia M+M – Porto Rico
Lona de Circo (Funarte)
Classificação Livre
16h – Felinda
Carroça de Mamulengos – Distrito Federal Sala Plínio Marcos (Funarte)
Classificação Livre
16h50 – Clake
Circo Amarillo – São Paulo
Arena / Rodas (Funarte)
Classificação Livre
18h – Ovos Mexidos
Andrea Farnetani – Itália
Arena / Rodas (Funarte)
Classificação Livre
19h – Roda de Gala
Brincadeiras de Circo – Teatro Artetude / Encerramento
Lona de Circo (Funarte)
Classificação Livre

Autoria de Mari Oliveira
Sou mãe, esposa, filha e irmã off-line. Tradutora, fã dos Beatles e mãe de primeira viagem on-line. No dia 13 de maio de 2011, ouvi Maria Betânia cantar e o obstetra repetir: “Você verá que a emoção começa agora”. Eles estavam certos!