tumblr_m5xqriklDU1rwm6yco1_1280

Nenhuma grávida/mãe de primeira viagem gosta de pitaco. Ok, este tema tá batido, esta tecla já foi apertada, ok. Mas e quando a gente, no desespero e como último recurso, ouve o pitaco e ele DÁ CERTO??

Por aqui, as seguintes crendices, por incrível que pareça, FUNCIONARAM!

– Algodão molhado na testa pra passar o soluço – Júlia um dia teve um soluço interminável, tadinha… Nada do que eu fazia passava, dava o peito, aquecia ela, andava com ela pela casa e nada. Daí chegou minha mãe, molhou um pedaço de algodão, e colocou na testa dela. Pronto, parou. Que mistério foi esse, aí já não sei… E não aconteceu só uma vez.

– Maizena pra não assar ou não dar brotoejas no calor – tiro e queda. Na época de seca e calorão de Brasília eu passava maizena nas dobrinhas da Júlia e a brotoejas de calor sumiam de um dia para o outro.

– Dieta da mãe para o bebê não ter cólicas – tem gente que acredita e segue (eu!), tem gente que acha que não tem nada a ver. Bom, no meu caso eu segui uma dieta com alimentos pouco irritantes ao aparelho digestivo imaturo da Júlia, e ela teve pouquíssimas cólicas. E no dia que eu cedia à tentação de comer um chocolatinho ou um ovo frito, por exemplo, ela chorava muito… Coincidência? Nunca saberei.

– Alimentos que aumentam o leite: comigo deu certo. Os mais populares são milho e derivados, água de côco, suco de uva, broto de alfafa, chá de erva doce.

– Se a criança trocar o dia pela noite, é só colocar para dormir com os pés virados para a cabeceira do berço – Júlia nasceu em maio, e no ano que ela nasceu o friozinho de Brasília começou cedo, por esta época, além da minha casa ser bastante fria. O berço dela era daqueles redondinhos, então nem cabeceira tinha. Ele ficava perto da janela, eu a deitava sempre com a cabeça mais próxima da janela. E ela não dormia. Troquei de posição, e ela dormiu. No caso, eu acho que ela tava era com frio, quando virei a cabeça pra longe da janela, passou o frio e ela dormiu melhor.

Agora, gente, pelamordedeus!, hein? Borra de café pra cair o coto umbilical, moeda em cima do coto umbilical pra atrair dinheiro, e outras bizarrices dessas não dão certo!

Autoria de Mari Oliveira
Sou mãe, esposa, filha e irmã off-line. Tradutora, fã dos Beatles e mãe de primeira viagem on-line. No dia 13 de maio de 2011, ouvi Maria Betânia cantar e o obstetra repetir: “Você verá que a emoção começa agora”. Eles estavam certos!