Os Jogos Olímpicos de Londres começam daqui a dois dias, e nós já estamos no clima! Como bem disse Roberto Shyniashiki nesta crônica, “o processo de identificação com os nossos ídolos é intenso e poderoso. Se você parar para pensar nas pessoas que admira, vai ver que, para boa parte delas, os ídolos vêm do esporte. Porque esporte é dedicação, garra, inteligência e superação. Para muitos de nós, o esporte é a fonte de inspiração para ir além.”

Três vídeos tocaram meu coração com relação ao tema. O primeiro foi ESTE, muito emocionante, que começou a ser divulgado perto do Dia das Mães, sobre como as mães se esforçam, e muitas vezes se sacrificam, pelo sonho dos filhos em serem atletas. Logo depois, a mesma empresa produziu ESTE vídeo, mostrando que aos olhos de suas mães, os filhos, mesmo adultos, atletas campeões e bem-sucedidos, sempre serão crianças.  O terceiro foi ESTE, do Comitê Organizador dos Jogos, com os mascotes mostrando que esporte é também solidariedade.

É uma boa oportunidade de aproveitar o finzinho das férias de julho e inserir as crianças no mundo dos esportes, com a mensagem dos jogos olímpicos de paz e amizade. Os meninos maiores vão gostar de acompanhar os jogos de futebol, as meninas vão se encantar com a ginástica olímpica, e todas as crianças vão se empolgar com os mascotes dos jogos. Desta vez, os mascotes escolhidos são o Wenlock, mascote das Olimpíadas, que tem origem na cidade de Much Wenlock, porque foi lá que o Barão de Coubertin assistiu a jogos esportivos e teve a ideia de criar as Olimpíadas da era moderna. Já Mandeville, mascote das Paraolimpíadas, é uma referência ao Stoke Mandeville Hospital, onde nasceu o movimento paraolímpico. Os mascotes têm poucas características humanas, e a história contada por seu criador, Michael Morpurgo, é muito parecida com a história de Pinóquio, pois os dois personagens foram criados a partir de pedaços de metal que sobraram da construção do estádio olímpico e ganharam vida de forma mágica depois de serem esculpidos por um avô. (Fonte: Smart Kids)

Muitos sites já estão disponibilizando desenho dos mascotes das Olimpíadas de Londres para as crianças colorirem, jogos e passatempos com o tema Olimpíada, por exemplo, AQUI. Outras atividades para envolver as crianças seriam confeccionar medalhas e uma tocha olímpica com sucata, personalizar os mascotes online, assistir ao filme Asterix e os Jogos Olímpicos, pintar a bandeira do Brasil para torcer, montar um calendário com as modalidades que quer assistir…

Vai ser muito divertido!

Autoria de Mari Oliveira

Sou mãe, esposa, filha e irmã off-line.
Tradutora, fã dos Beatles e mãe de primeira viagem on-line.
No dia 13 de maio de 2011, ouvi Maria Betânia cantar e o obstetra repetir: “Você verá que a emoção começa agora”.
Eles estavam certos!