Como comprar sutiãs de amamentação corretamente

Como comprar sutiãs de amamentação corretamente

Ontem eu estive na Casa Raquel para comprar sutiãs novos de amamentação. Explico: aos 14 meses, minha filha Júlia segue mamando  no peito, mas eu já não tenho mais aquela “abundância” toda, e os sutiãs que comprei já estavam, além de velhos, muito grandes para mim.

Chegando lá, eu expliquei para a vendedora (Cláudia, super simpática) o meu problema: não conseguia mais ajeitar o sutiã – quando eu ajustava as alças, as costas subiam; se eu deixava as costas no lugar, as alças ficavam largas. Expliquei para ela, aliás, que era frequente eu ter esse problema com sutiãs. Foi aí que ela disse uma coisa que para mim era novidade (e olha que eu sempre adorei lingerie): sutiã não se compra só pelo tamanho do bojo, mas também pela medida das costas. E que por desconhecer isso, a maioria das mulheres (80%, segundo uma pesquisa britânica – confesso que me senti menos “burrinha” com essa estatística, rs!) usa o número errado de sutiã – não só sutiã de amamentação, sutiã em geral. Sutiãs que deixam o peito “pulando para fora” (foto abaixo), ou que apertam tanto as costas que ficam aqueles “bolinhos” marcando a roupa. Podem reparar, quantas vezes a gente já não viu isso, ou sentiu isso, com o sutiã errado?

Uma outra coisa que ela ensinou, e que eu achava que era o contrário: o que determina se o sutiã está com boa sustentação é a faixa que fica nas costas, e não as alças do sutiã. Você deve ser capaz de sentir o suporte do sutiã mesmo depois de remover as alças.

Ela disse também que só recentemente algumas marcas brasileiras passaram a usar esse conceito de medida de bojo + tórax (que já era um padrão americano). O mais legal foi que ela bateu o olho em mim e já determinou “Você é uma 42C!”, e me mostrou alguns modelos – e ela acertou, ficaram super confortáveis!

Para facilitar a questão das medidas, achei esta tabela da marca Hope:

Uma outra coisa bem legal que eu vi desta vez é que há 14 meses, quando comprei meus primeiros sutiãs de amamentação, a variedade de cores era boa, mas a de estampas não. E ontem na loja eu vi muitos sutiãs de amamentação estampados, bem bonitos! Muito legal! Porque vamos combinar que uma lingerie bonita faz qualquer mulher se sentir melhor, e não é porque estamos amamentando que temos que ser confinadas ao sutiã bege!

SERVIÇO:

Casa Raquel, consultora Cláudia – CLS 214 Bl A

Este depoimento é espontâneo. Não ganhamos nada das marcas, nem da loja, para falar do produto.

Publicado originalmente em julho de 2012.

Autoria de Mari Oliveira

Sou mãe, esposa, filha e irmã off-line.
Tradutora, fã dos Beatles e mãe de primeira viagem on-line.
No dia 13 de maio de 2011, ouvi Maria Betânia cantar e o obstetra repetir: “Você verá que a emoção começa agora”.
Eles estavam certos!