O ano já está chegando ao fim, com ele se aproxima o momento de planejar e pensar na programação de 2012.
Este também é o período propício para que os pais reflitam sobre as atividades feitas por seus filhos e avaliem aquelas que são mais propícias para o desenvolvimento das crianças.  
Estudo realizado pela Universidade de Nebraska-Lincoln, nos Estados Unidos, revela que alunos que se envolvem em atividades extracurriculares atingem níveis de escolaridade mais altos. Segundo a pesquisa, a exposição da criança a assuntos diversificados tratados nestas atividades desperta interesses que serão desenvolvidos por toda vida profissional e pessoal.
Mas, quais são os critérios para definir as atividades extracurriculares que os pequenos devem fazer? No momento da decisão, os detalhes fazem a diferença e um ponto que deve ser priorizado é: o que esta atividade vai oferecer à criança a curto e longo prazo?
Qualquer pai ou mãe consciente quer que o filho pratique atividades prazerosas, mas também deseja que ele absorva informações e estímulos que auxiliem em seu desenvolvimento. A grande pergunta a ser feita é: qual é a necessidade do meu filho?
Entre tantas opções, existem alternativas que podem ser determinantes na vida da criança. Isso significa que a melhor escolha é por algo que faça bem a ela no presente, mas que também reflita em seu futuro.
A primeira infância é um período precioso neste processo. Várias pesquisas sobre o tema atestam que até os oito anos as crianças têm maior capacidade de absorção do que lhes é ensinado. Por isso, colocá-las em cursos que despertem sua curiosidade e estimulem seu raciocínio garantirá um melhor aproveitamento desta fase.

No Brasil existe alternativas como o FasTracKids – um método internacional, que oferece a oportunidade da criança aprender de forma lúdica, divertida e diferenciada.

O programa tem uma metodologia de ensino que envolve todas as habilidades dos pequenos e é um curso extracurricular único e exclusivo no mercado de educação infantil, ainda sem precedentes no Brasil. Dividido por faixa etária, contempla Inglês, música, criatividade e muitas outras atividades distribuídas em 12 temas, para desenvolver atitudes e comportamentos que influenciarão o futuro das crianças. Destaque para o telão interativo e para as filmagens que acontecem no final de cada aula.

Em um curso deste tipo a criança se torna cada vez mais sociável, integrada com a sociedade e com o raciocínio ampliado. Um aluno com estas características tem grandes chances de se tornar um adolescente seguro e um adulto bem sucedido.

Existem inúmeros conhecimentos e hábitos que os pais desejam transmitir aos filhos e a escolha dos cursos representa uma parte disso. Afinal, uma boa educação é o maior legado, e por isso, a boa escolha é fundamental.

FasTracKids: www.fastrackids.com.br

POST PATROCINADO.

Autoria de Dhemes Andersen