A maioria das roupas e brinquedos da minha filha Bruna são lavados na máquina e com sabão comum.

Acho válido lavar à mão e com sabão de côco as roupinhas do recém nascido para evitar alergias, afinal, eles têm uma pele extremamente delicada e vão usar roupinhas pela primeira vez.

Mas assim que o bebê vai ficando maiorzinho e caso já se tenha verificado que eles não tem tendências alérgicas, eu sugiro começar a lavar as roupinhas de uma maneira mais prática. Até porque, pelo menos aqui em casa, as roupinhas que eram lavadas com todos esses cuidados foram ficando meio amareladas…

Então, logo no 2º mês de vida da minha filha, passei a lavar tudo na máquina, com sabão normal, tomando os seguintes cuidados: programo a máquina no modo “delicado” (sem centrifugação) e para dois enxágues, deixo as roupinhas mais sujas de molho antes de colocar na máquina, uso pouco sabão e coloco tudo (exceto lençóis e toalhas) em capas protetoras.  

Confeccionadas com poliéster, as capinhas têm zíper em nylon, proteção do zíper em elástico e permitem a circulação de água e sabão, eliminando a sujeira e isolando o conteúdo de fiapos. 
SERVIÇO:
À venda na Tokstok e em diversas lojas de produtos domésticos.
Capa protetora para lavar pelúcias da Soly Wash = R$29 aqui!
Kit Baby de Capas protetoras para lavar roupas (3 unidades) = R$34,90 aqui!

Autoria de Dhemes Andersen